Dia Mundial do Meio Ambiente. Vamos juntos?

O Dia Mundial do Meio Ambiente – 5 de junho, foi criado em 1972 e tem por objetivo conscientizar a respeito da importância de preservar os recursos naturais. Conheça o que a Dana faz a respeito e saiba como você pode contribuir!

O Dia Mundial do Meio Ambiente foi criado em 1972 com o objetivo de conscientizar os habitantes deste planetinha azul sobre a importância de preservar os recursos naturais. A data tem por finalidade criar uma postura crítica e ativa em relação aos problemas ambientais existentes no planeta em todos, população, dirigentes e empresas, uma vez que, nós, seres humanos, somos os grandes responsáveis por mudanças graves no meio ambiente, como a poluição e a perda de biodiversidade, e cabe a nós criar medidas que impeçam que nossos impactos atinjam os recursos da Terra de modo irreversível.

Quando surgiu o Dia Mundial do Meio Ambiente?

Criado em 1972 na Assembleia Geral das Nações Unidas, o Dia Mundial do Meio Ambiente gerou a Declaração da Conferência da ONU sobre o Meio Ambiente, que apresenta princípios que visam à melhoria da preservação do meio ambiente.

Espera-se que  com essa data a sociedade obtenha informações relevantes sobre os impactos do homem no planeta e adquira uma postura consciente em relação ao uso dos recursos naturais. Também tem por objetivo lembrar a população e os governantes sobre a importância da preservação dos nossos recursos e da necessidade de leis que garantam o desenvolvimento, mas sem afetar de maneira negativa o meio, ou seja, que garantam um desenvolvimento sustentável.

O que fazemos na Dana?

Preservação de área verde, projeto paisagístico, cultivo de plantas brasileiras, respeito aos animais, preocupação com vazamentos… assim já era a Dana na década de 70.

Quando palavras como ecologia, preservação e preocupação ambiental ainda soavam como algo muito distante para a maioria das empresas do Brasil, a Dana já era pioneira no assunto, através de ações concretas.

Tudo isto foi fruto de um bonito trabalho. Na década de 70, começou uma reeducação interna em nossa fábrica para que a natureza fosse preservada e a poluição minimizada. A política era evitar qualquer vazamento de produto tóxico e buscar a melhoria contínua dos processos.

Muito além de um discurso politicamente correto, a preocupação ambiental é um compromisso da Dana, garantido por regras estritas e por uma equipe altamente profissional. É o SGA, Sistema de Gestão Ambiental, implantado em 1996.

Mas a preocupação da Dana com o meio ambiente vai muito além de atender as normas ou as questões legais.

Temos um compromisso com a comunidade e com o país. Temos um compromisso com a Natureza.

Preservação do Meio Ambiente na Prática

Programa Zero Efluente – Antes de ser lançado ao solo, o efluente bruto (efluente industrial e cloacal) recebe tratamento, que consiste na oxidação da matéria orgânica complexa, a carga poluidora, através de reações de oxidação geradas por micro-organismos que utilizam a carga poluidora existente nos esgotos como substrato (alimento).

De acordo com dados mundiais, o consumo médio de água, tratada e encanada, de uma residência com quatro pessoas é estimado em aproximadamente 22m³. Assim, o volume tratado em apenas um dia pelo Projeto Zero Efluente equivale ao consumo de água tratada de quatro famílias ao longo de um mês.

Fábrica de Natureza – Na unidade de Gravataí (RS) foi desenvolvido um projeto de paisagismo somente com espécies de plantas brasileiras – cerca de 65 espécies vegetais foram cultivadas no Complexo Industrial Dana, em Gravataí.

Além disso, hoje, quem circular pelos caminhos e gramados que dividem nossas fábricas de Gravataí vai perceber vizinhos costumeiros. São quero-queros, pombas, galinhas-d’angola, joões-de-barro, bem-te-vis, sabiás, canários, corujas, entre outras aves.

Gerenciamento de resíduos – Esta é uma preocupação constante dentro da Dana. Por isso, identificamos todas as emissões sólidas, líquidas e gasosas geradas nos nossos processos industriais. Fazemos o tratamento adequado desse material, tanto em estações de tratamento de efluentes, instaladas nas diversas operações, como contratando empresas que recolhem e fazem o descarte adequado do material.

A coleta seletiva de lixo também é item obrigatório. Do chão de fábrica aos escritórios, coletores seletivos fazem parte do cenário cotidiano. E o mais importante é que eles funcionam.

Consciência ambiental – Reduzir, reutilizar e reciclar. Desde agosto de 2011, a operação de produtos para vedação do Complexo Industrial da Dana em Gravataí, no RS, passou a reciclar cerca de 50% de todo resíduo de borracha gerado na fábrica. Uma iniciativa louvável que só foi colocada em prática graças à persistência de uma equipe determinada e consciente de seu papel na preservação do meio ambiente.

Líquido vital – A importância das estações de tratamento – As Estações de Tratamento de Efluentes Industriais (ETEIs) da Dana cuidam de um dos bens mais valiosos para o ser humano: a água. Desenvolvidas para despoluir a água que sai das operações industriais, as ETEIs, são peças fundamentais em nosso Sistema de Gestão Ambiental. Quando necessário, são elas que impedem que a água utilizada, proveniente dos processos industriais, entre em contato com o meio ambiente.

Como eu posso ajudar o meio ambiente?

Você deve estar pensando: Como eu, uma única pessoa, posso salvar o planeta? Realmente não é uma tarefa fácil, entretanto, pequenos gestos ajudam a preservar o meio ambiente e fazer desse planeta um lugar melhor para as futuras gerações.

Apesar de parecer uma tarefa difícil, o meio ambiente pode ser ajudado com medidas individuais bastante simples. Se cada um fizer sua parte, podemos garantir um futuro mais promissor para as gerações futuras.

Veja a seguir 10 dicas importantes para preservar o meio ambiente:

 Preserve as árvores. Não realize podas ilegais e nunca desmate uma área. É importante também não colocar fogo em propriedades, pois isso pode atingir matas preservadas.

 Cuide bem dos cursos de água. Nunca coloque lixo em rios, lagos e outros ambientes aquáticos e, principalmente, preserve a mata em volta desses locais. Essa mata protege contra erosão e assoreamento.

 Cuide bem do seu lixo. Nunca jogue lixo no chão, importando-se sempre com o destino adequado dele. Separar o lixo reciclável é importante para diminuir a quantidade de lixo nas grandes cidades.

 Reutilize, reaproveite e recicle tudo que for possível. Caixas e plásticos, por exemplo, podem ser utilizados para acondicionar alguns objetos. Roupas que você não utiliza mais podem ser doadas. Alguns produtos podem virar itens de decoração. O importante é sempre ter em mente que quanto mais diminuímos a nossa produção de lixo, mais preservamos o meio ambiente.

 Reduza o consumo de água. Para isso, basta criar maneiras de aproveitar melhor água, como reutilizar a água da máquina de lavar, armazenar a água da chuva, não lavar calçadas com água e diminuir o tempo de banho.

 Reduza o consumo de energia elétrica. Evite o consumo exagerado, lembrando-se sempre de deixar aparelhos desligados quando não estiverem sendo usados e apagar as luzes que estão iluminando ambientes desnecessários.

 Evite andar apenas de carro. Os carros poluem o meio ambiente, por isso, sempre que possível, opte por deixar o carro em casa. Você sempre pode optar por utilizar o transporte público de sua região, criar sistemas de caronas, andar de bicicleta ou ainda ir a pé, dependendo da distância a ser percorrida.

 Compre apenas o necessário. A dica aqui é sempre se perguntar antes de uma compra: Eu realmente preciso? A produção exagerada de produtos ocasiona a exploração de nossos recursos de maneira descontrolada. Assim sendo, só consuma o necessário e só adquira produtos realmente importantes.

 Dê preferência para compra de empresas que pratiquem a preservação ambiental e tenham programas de reciclagem. Desta forma, você prestigia e incentiva para que as empresas adotem programas de sustentabilidade.

 Pratique, divulgue e auxilie à outras pessoas a serem também responsáveis pelo Meio Ambiente. Propague a ideia.

As oficinas de reparação automotiva, empresas do comércio de autopeças e frotistas devem ficar muito atentos a essa nova realidade. Em pouco tempo, a gestão ambiental será um dos pontos decisivos para o sucesso de uma empresa do setor. Basta lembrar que a legislação está ficando rigorosa, começa a faltar água, a energia está cara e muitos clientes estão aderindo às causas ambientais.

No início, o mais importante é ter boa vontade e criatividade. Não pense que a gestão ambiental é apenas um assunto para as grandes empresas e que exige investimentos milionários. Com muito pouco, é possível ajudar o planeta, gastar menos, gerar novas receitas, se diferenciar da concorrência e ainda ampliar o movimento.

Viu só? Com dicas simples, você pode preservar o meio ambiente e ajudar o planeta!!

“Defender e melhorar o meio ambiente para as atuais e futuras gerações se tornou uma meta fundamental para a humanidade.”

(Declaração da Conferência da ONU sobre o Meio Ambiente)

[geot country="BR"] [/geot] [geot country="AR"]

De acuerdo con su ubicación quizás le interese visitar www.dana.com.ar. Si desea cambiar de país por favor haga click aquí.

[/geot] [geot country="CO"]

De acuerdo con su ubicación quizás le interese visitar www.dana.com.co. Si desea cambiar de país por favor haga click aquí.

[/geot] [geot country="EC"]

De acuerdo con su ubicación quizás le interese visitar www.danaecuador.com.ec. Si desea cambiar de país por favor haga click aquí.

[/geot]