Responsabilidade Social: Nova turma do Formare na Dana em Osasco

Acontece nesta segunda-feira, dia 3 de março, às 18h30, a aula inaugural da 6ª turma do Projeto Formare na unidade da Dana em Osasco (SP). Promovido na Dana desde 2003, o Projeto Formare tem como objetivo capacitar jovens de famílias de baixa renda, oferecendo-lhes educação profissionalizante e conceitos de cidadania. Na aula inaugural, os alunos receberão uma mensagem da Dana, do Formare, dos educadores voluntários, e visitarão as instalações da empresa, onde terão aulas diariamente.

Desenvolvido pela Fundação Iochpe, uma organização civil sem fins lucrativos, o Projeto Formare é voltado para empresas privadas. A Escola Formare / Dana, em Osasco, beneficia 20 jovens entre 16 e 18 anos com aulas técnicas com os próprios funcionários da empresa.

As aulas oferecem uma abrangente preparação para o mercado de trabalho, além do desenvolvimento do senso de responsabilidade. Segundo a coordenadora do Formare em Osasco, a analista de RH Cláudia de Jesus, o curso é gratificante porque proporciona oportunidade de interação entre jovens e educadores. “Quando esses jovens chegam aqui, muitas vezes não têm expectativa de profissão, de curso superior e, depois de um tempo, eles mudam de perspectiva e percebem que criam uma vontade de mudar de realidade e vêem nos voluntários exemplos de vida”, declara. Neste ano, participarão 30 educadores-voluntários da operação de Osasco.

Os alunos recebem um diploma de “assistente de produção e serviços”, reconhecido pelo MEC, além de benefícios como vale-transporte, refeição (café e almoço), bolsa-auxílio de meio salário, seguro de vida, assistência médico-odontológica, uniforme, material escolar, assistência social e psicológica, cesta básica. É obrigatório que os alunos também estudem à noite e apresentem boas notas.

As aulas ministradas na Dana abrangem as seguintes matérias: Higiene, saúde e segurança; Comunicação e relacionamento; Organização industrial e comercial; Matemática aplicada; Inglês; Educação Física; Materiais e processos; Instrumentos e medidas; Desenho mecânico; Informática; Ajustagem mecânica; Administração de produção e montagem; Empreendedorismo; Administração de vendas e serviços; Automação e conservação; Prática profissional (com uma média de 150 horas/aula por aluno neste último caso, em que cada aluno vai para um determinado departamento).

Para saber mais sobre o projeto Formare, acesse o site da Fundação Iochpe: http://www.formare.org.br/site/