RALLY BRASIL GNV: Equipe Nakata GNV entre os primeiros

Um táxi VW Santana 2003 patrocinado pela Dana e equipado com amortecedores traseiros pressurizados Nakata GNV conquistou o terceiro lugar no Rally Brasil GNV 2003 (Rio-São Paulo), no qual competiram apenas veículos movidos a gás natural. O táxi foi pilotado pelo técnico em suspensão da Dana, José Mozardo, e teve como navegador o dono do carro, o taxista Manuel Rocha da Silva. A dupla, que nunca havia participado desse tipo de competição antes, conseguiu uma ótima colocação, mesmo concorrendo com veículos equipados com GPS e pilotados por profissionais experientes. O táxi de Manuel não havia sido preparado para o rali e contou com os amortecedores Nakata específicos para veículos convertidos como único diferencial.
“Os amortecedores Nakata fizeram toda a diferença para que completássemos o trajeto, cheio de buracos, pedras e caminhos sinuosos”, comenta Mozardo. Segundo o técnico, um veículo convertido para gás natural pode ficar até 100 kg mais pesado, devido ao cilindro. Os amortecedores Nakata GNV permitiram que a geometria do veículo se mantivesse inalterada, garantindo o conforto e a estabilidade. Os amortecedores do táxi serão analisados pela equipe de Engenharia da Dana, para que o desempenho e o desgaste sejam avaliados.
O Rally Brasil GNV foi realizado no último final de semana durante a Expo GNV 2003. O primeiro lugar da competição ficou com uma Ford Explorer preparada para ralis e o segundo com um Palio Adventure.