DANA 100 ANOS: Chrysler Convertible (Four Places) Six 1934

Há alguns anos, a Dana firmou uma parceria com o Museu da Tecnologia da Ulbra, localizado na cidade de Canoas (RS), visando apoiar um dos mais importantes acervos automobilísticos da América Latina e um dos maiores do mundo. Hoje, o Canal Dana mostra o Chrysler Convertible (Four Places) Six 1934.

A linha da Chrysler para 1934 apresentava várias séries: CA/CB, Airflow “six” e “eight”, Imperial Airflow, Custom Imperial Airflow, Kew, Wimbledon e Croydon. O conversível de duas portas, porém, estava restrito à série CA/CB, que eram os carros da chamada “linha de frente” da empresa, sendo os mais populares e mais baratos. Como o conversível era o mais caro dessa série, custando US$ 865, foi produzido em menor quantidade (em comparação com os outros CA/CB): 700 unidades.

Apresentou como novidades novos pára-lamas dianteiros e traseiros, mais “fechados” na lateral, fendas horizontais na lateral da tampa do motor e portas tipo “suicida” (que se abrem no sentido contrário) em todos os CA. O motor é de seis cilindros em linha, com bloco e cabeçote em ferro fundido, cabeçote com desenho em forma de “L”, taxa de compressão de 6,2:1 e potência de 93 hp a 3 400 rpm.

Quer ver fotos e saber mais sobre o Chrysler Convertible (Four Places) Six 1934? Então, clique aqui.

A história da Dana funde-se com a da indústria automobilística. A cruzeta, uma junta universal que é a base da solução de tração inventada e patenteada por Clarence Spicer há 100 anos, segue movendo veículos em todo o planeta, e a busca constante por inovação continua norteando nossas ações, integrando sistemas, otimizando recursos e fazendo nossos clientes vencerem. Para comemorar o nosso centenário, trazemos para você carros do incrível Museu de Tecnologia da Ulbra, do Rio Grande do Sul, verdadeiros ícones de uma paixão que movimenta o mundo. Dana, 100 anos trazendo tecnologia até você.