Conheça o dia-a-dia das filmagens de “Sal de Prata”, filme apoiado pelo Dana Cultural

O mais novo projeto apoiado pela Dana é o longa-metragem nacional “Sal de Prata”, 14º filme do diretor gaúcho Carlos Gerbase, que está sendo filmado em Porto Alegre. “Sal de Prata” ficará pronto em seis semanas e tem previsão de estréia em 2005. O elenco conta com Maria Fernanda Cândido, Camila Pitanga, Marcos Breda e Bruno Garcia, além de Júlio Andrade, Janaína Kramer e Nelson Diniz.

O filme tem como tema principal a produção cinematográfica em si (por isso, o nome “Sal de prata”, que é a substância química que torna o filme sensível à luz). O pessoal da produção criou um site que traz um diário virtual das filmagens, atualizado diariamente, e também informações gerais sobre a produção, além de explicar alguns dos termos técnicos do cinema e fotos dos bastidores. O endereço do site é www.terra.com.br/cinema/saldeprata

A partir desta semana, o Canal Dana trará um resumo semanal do que aconteceu na semana anterior, para você ficar por dentro da produção do filme, além de saber como é a rotina de atores, produtores, diretores… enfim, deste pessoal que está por trás de uma obra da sétima arte.

Na última terça-feira, dia 17, as filmagens estavam previstas para acontecer no estúdio, mas a equipe precisou voltar rapidamente para a locação da casa de Linda, onde uma bela jasmineira que aparece nas cenas está começando a florescer. Como nas primeiras cenas filmadas na rua a árvore está ainda sem flores de jasmim, a equipe precisou filmar o restante das cenas antes que ela começasse a florescer, por causa da continuidade da cena. Isto mostra como tudo é levado em conta nas cenas externas – e o cuidado que é preciso ter ao filmá-las.

Na quinta-feira, a rotina de filmagem foi alterada devido ao mau tempo. Seria o dia de fazer as cenas da fachada do prédio de Cátia e da sua viagem à Nova Itália. Mas, a equipe teve que voltar ao estúdio, onde foram feitas as cenas da discussão entre Valdo/Bruno Garcia e Cátia/Maria Fernanda Cândido no camarim do estúdio de Valdo.

É interessante notar como cada passo de uma cena é cuidadosamente montado. Na sexta-feira, dia 20, parte da equipe foi ao cinema do Santander Cultural para assistir ao primeiro copião do filme (onde são exibidas apenas algumas cenas, para que o todos tenham consciência de como está o andamento da produção como um todo).

Uma curiosidade: a mãe de Maria Fernanda Cândido, Agda, está participando das filmagens para “corujar” a filha famosa. A equipe, sempre que têm um tempinho de sobra, aproveita para acompanhar o desempenho dos atletas brasileiros na Olimpíada.

Enquanto isso, a fábrica de cenários não pára em Sal de Prata. Seu Vilson Mendonça, chefe dos cenotécnicos, disse que está um pouco atrasado na montagem do cenário da sala de Cátia. Ontem, foram filmadas cenas de uma festa, em que quase todos os atores do filme participaram – imagine a quantidade do trabalho do pessoal da produção! Na semana que vem, contamos como foi. Até lá!