AQUI TEM DANA: Seminário SAE Brasil reavalia a manufatura no setor automotivo

A Dana vai marcar presença no seminário “Reavaliando a Manufatura na Indústria Automobilística”, realizado pela SAE BRASIL, dia 28 de junho, no Hotel Gran Meliá (São Paulo). O encontro pretende analisar as novas estratégias de montadoras e fornecedores de autopeças na área de produção, depois da reformulação de grande parte do parque industrial, pesados investimentos em novas práticas e tecnologia e integração de processos.

Nestor Piuma, diretor de Business Excelence na Dana, vai expor os desafios para a implantação da ISO TS 16949, uma das certificações mais importantes para a indústria automobilística, nas unidades do grupo. Durante sua palestra, mostrará como a TS pode ser utilizada como ferramenta de negócios e não apenas de qualidade, fazendo um paralelo com o processo interno de avaliação da qualidade da Dana (DQLP – Dana Quality Leadership Process) e com o PNQ – Prêmio Nacional de Qualidade.

A programação do seminário foi organizada diante da constatação de que as contínuas variações na produção de veículos no mercado interno e as oportunidades nas exportações estão levando muitas empresas a rever seus programas de produção e estratégias, em busca da rentabilidade nas operações.

“Não basta acelerar o desenvolvimento de novos produtos, colocar as máquinas a todo vapor e reduzir o ‘lead time’. As empresas estão em busca de maior flexibilidade para acompanhar as mudanças e enfrentar os períodos de ociosidade”, lembra Luso Ventura, presidente da SAE BRASIL. Ele assegura que os executivos encarregados do planejamento das empresas no setor automotivo estão analisando com muito cuidado a rentabilidade de seus empreendimentos e os ganhos do negócio como um todo na cadeia produtiva.

O programa do seminário traz na abertura uma visão global da indústria de manufatura, mostrando as tendências e a evolução do mercado em palestra de Wim van Acker, diretor da Roland Berger em Detroit, EUA. Já confirmaram presença também, pelas montadoras, José Eugênio Pinheiro, diretor de Manufatura da General Motors, Carlos Alberto Salin, vice-presidente de Manufatura da Volkswagen, Luiz Tavares de Carvalho, diretor de Manufatura na DaimlerChrysler, Theodoro Paraschira, gerente de Qualidade da Ford.

Os cases dos sistemistas, fornecedores de autopeças, serão analisados em painel coordenado por Carlos Louzada, diretor-superintendente da TBM, com a presença de Feres Macul Neto, presidente da TMD Friction, e Gerardo Mendoza, diretor de Engenharia e Satisfação do Cliente, da Delphi. Walter Serer, presidente da TDS, fará palestra para mostrar como a logística acelera a manufatura.

André Luiz Soriani, engenheiro de Desenvolvimento de Processos da Embraer, apresentará os sistemas de manufatura digital na companhia aeronáutica.

As inscrições para o seminário podem ser feitas pelo telefone 11 287-2033, ramal 106. Outras informações estão no site www.saebrasil.org.br.