AQUI TEM DANA: Restauração da Igreja das Dores em Porto Alegre está em fase de pintura

A restauração da Igreja Nossa Senhora das Dores, em Porto Alegre, iniciada em setembro de 2003 e que também conta com o patrocínio da Dana, está a todo vapor. Uma nova fase foi iniciada, da pintura interna do forro. Segundo Susana Cardoso Fernandez, coordenadora da equipe técnica responsável pela restauração, sete pessoas trabalham na recuperação da pintura do forro da Igreja. Durante o ano passado foi trabalhada toda a parte mais estrutural – como a restauração dos os altares e das cimalhas (saliência da parte mais alta da parede, onde se assentam os beirais do telhado). Agora está sendo feita a limpeza e consolidação da parte de dentro do forro da Igreja. “É um trabalho que ‘ninguém’ vê. Quando os operários começaram a mexer na parte elétrica da Igreja, percebemos que o forro estava todo sujo e agora estamos limpando-o e passando veneno contra cupins também”, disse Suzana.

A próxima fase a ser trabalhada é a pintura das paredes da Igreja e dos altares – que já foram restaurados, mas ainda falta dar o acabamento. “Para muitos sem a pintura parece que nada foi restaurado, mas ela é só o acabamento de um longo trabalho que desenvolvemos aqui dentro”, afirmou a restauradora.

Patrimônio têxtil

Tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional desde de 1938, a igreja possui um importante acervo histórico e artístico e será sede do primeiro museu de arte sacra de Porto Alegre. E o trabalho de restauração tem diversas frentes, como o da conservadora de têxteis Mara Susana Sulzbach, que recupera um acervo de mais de 500 peças, como os trajes usados pelos Vigários, os estandartes que eram usados em antigas Procissões da Igreja e diversas peças de linho que fazem parte da decoração do Altar para as missas. Este acervo todo está sendo inventariado, catalogado, cuidadosamente limpo, embalado e armazenado em uma sala, junto com o resto do material que será exposto no futuro Museu de Arte Sacra da Igreja das Dores. 188 peças já estão limpas e embaladas cuidadosamente para que sofram menos com a ação do tempo daqui para diante.

Se quiser saber mais sobre a o patrocínio da Dana para a restauração da Igreja das Dores, acesse: